quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Seus problemas



Crie uma distância entre você e sua personalidade. Todos os seus problemas estão relacionados com a sua personalidade, e não com você. Você não tem problemas, ninguém realmente tem problemas. Todos os problemas pertencem à personalidade.

Torne-se um observador, uma testemunha. Crie uma distância. Nada mais precisa ser feito. Uma vez que você tenha criado uma distância, você, de repente, verá a ansiedade desaparecendo. Quando a distância for perdida, quando você se tornou próximo de novo, novamente a ansiedade surgirá.

Ansiedade é identificar-se com os problemas da personalidade. E relaxamento é não se envolver, permanecer não identificado com os problemas da personalidade.

Assim, por um mês, observe. Aconteça o que acontecer, permaneça distante. Por exemplo, você tem uma dor de cabeça. Tente ficar distante e observe a dor de cabeça. Ela está acontecendo em algum lugar do mecanismo corpo. Você permanece indiferente, um observador sobre a colina, distante, e ela a quilômetros de distância. Crie uma distância, crie um espaço entre você e a dor de cabeça e continue a aumentar cada vez mais o espaço. Chegará um ponto em que você subitamente perceberá que a dor de cabeça está desaparecendo na distância.

Osho, A Rose is a Rose is a Rose, # 7

(Osho)


Cada um é único e incomparável.

Você é simplesmente você

ninguém jamais foi como você

e ninguém jamais será como você.

E você não tem que ser igual a ninguém.

Osho

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Meditação ativa


Pare de fazer o que você está fazendo! Observe a quantas coisas você está conectado e de verdade o que você está fazendo? O mundo moderno faz com que os indivíduos sejam acelerados e sem foco a meditação pode ajudar nestes casos. As pessoas estão tão sobrecarregadas por pressões dos moralismos e dos costumes ultrapassados e pelas ansiedades da vida moderna que se tornou necessário passar por um profundo processo de limpeza, antes que possam descobrir o relaxante e silencioso estado de meditação. Foi com esse enfoque que Osho desenvolveu suas singulares técnicas de meditação ativa. Com essas técnicas aliviamos o stress e as tensões, relaxamos o corpo-mente e entrarmos mais facilmente no estado de meditação.

As técnicas de meditação ativa compreendem estágios iniciais com atividades físicas que variam entre um chacoalhar, uma respiração, uma dança e terminam com 15 minutos de relaxamento e silêncio. O praticante experiência um tremendo contraste entre a energia da vigorosa atividade física e a quietude e o silêncio.

Aprenda abaixo como fazer uma meditação dinâmica:

Primeiro Estágio: 10 minutos


Respire rapidamente pelo nariz, concentrando-se na exalação. O corpo cuidará da inalação. Faça isso tão rápido e tão firmemente quanto possível; continue até que você literalmente se torne a respiração. Use os movimentos naturais do corpo para lhe ajudar a estruturar sua energia. Sinta sua energia se firmando, mas não amoleça durante esse primeiro estágio


Segundo Estágio: 10 minutos


Expluda! Expresse tudo que precisa ser jogado fora. Fique totalmente louco. Grite, berre, chore, salte, sacuda, dance, cante, ria; jogue-se para os lados. Não segure nada, mantenha todo seu corpo em movimento. Representar um pouco no princípio ajuda. Não permita que sua mente interfira com o que está acontecendo. Seja total, de todo coração.


Terceiro Estágio: 10 minutos


Com os braços erguidos, salte seguidamente gritando o mantra , HUU, HUU, HUU, tão forte e profundamente quanto possível. Cada vez que seus pés tocarem o chão, deixe o som do mantra martelar forte no seu centro sexual. Dê tudo que puder, não segure nada.

Quarto Estágio: 15 minutos


Pare! Congele onde quer que você esteja, na posição que você estiver. Não ajeite seu corpo de maneira nenhuma. Uma tossida, um movimento, qualquer coisa dissipará o fluxo da energia e o esforço estará perdido. Seja uma testemunha a tudo que aconteça com você.


Quinto Estágio: 15 minutos


Celebre através da dança, expressando sua gratidão para com o todo. Carregue sua felicidade com você pelo resto do dia.


Se você não pode fazer barulho onde você está meditando, há uma maneira alternativa: Ao invés de lançar os sons para fora, deixe que a catarse do segundo estágio aconteça inteiramente através dos movimentos do corpo. No terceiro estágio, o som UUU, pode ser martelado silenciosamente por dentro.

Instituto Osho Brasil -

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Alimentos que ajudam o rejuvenecimento, e que são afrodisiácos segundo o ayurveda

(durga)

A ciência do rejuvenescimento é um dos pilares da milenar medicina ayurvédica. Porém, ao contrário do enfoque ocidental, demasiadamente voltado para a aparência do físico, os cuidados devem favorecer a renovação do corpo e da mente. Da mesma forma, o sistema de saúde do Ayurveda não busca simplesmente a longevidade, mas uma vida de grande consciência e criatividade natural. Neste cenário destaca-se, sobretudo, o conceito de qualidade de vida, que tem como essência o autoconhecimento. Os sábios indianos denominaram esta ciência de Rasayana, palavra originada do sânscrito e que significa "o que entra" (ayana) "na essência" (rasa). É o que penetra e revitaliza a essência de nosso ser psicofísico. Os alimentos classificados como Rasayanas têm a propriedade de reconstruir o corpo-mente, previnem a decadência e retardam o envelhecimento, podendo, até mesmo, favorecer o rejuvenescimento. O Ayurveda ensina que alimentos como o alho, ginseng, aloe vera, açafrão angelica, e sementes de gergelim, que pertencem a este grupo, possuem ação sutil, mas específica e duradoura. Começando no sistema reprodutivo, eles revigoram o sistema inteiro, da mesma maneira que uma árvore é revigorada a partir das raízes. Têm uma ação revitalizante forte no sistema nervoso e na medula óssea e aumentam a energia da mente. Entre os afrodisíacas típicos (Vajikaranas) estão: aspargos, cravo-da-índia, fenogrego, alho, ginseng, hibisco, semente de lótus, cebola (crua), açafrão e inhame.


O Ayurveda também distingue os alimentos que aumentam a produção de espermatozóides, chamados Shukrala. Estes são substâncias que tonificam e nutrem as secreções reprodutivas, como o sêmen e o leite materno. São exemplo o ginseng, ghee (manteiga clarificada), alcaçuz, semente de lótus, cebola (crua), e sementes de gergelim.

Nada é separado no Universo ou no corpo humano. Outro ponto fundamental é que o aspecto externo do corpo reflete o seu ambiente interno. A ênfase que o Ayurveda dá ao autoconhecimento e ao desenvolvimento de uma rotina de hábitos diários positivos e coerentes literalmente fazem aflorar o que há de melhor em nós. Portanto, se desejamos um corpo saudável e bonito, devemos tomar as rédeas de nossa saúde, algo que só nós podemos fazer.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

kiwui



Fruta exótica foi incorporada nos costumes alimentares da população brasileira há muito pouco tempo. Pesquisa realizada nos Estados Unidos pela FDA (Food andy Druy Administration - US) comprovaram que o kiwi é uma ótima fonte de Vitamina C, E, B6, niacina, potássio, magnésio, cobre, fosfato e fibras dietéticas, possui gordura e nenhum teor de colesterol. Tem efeitos antiinflamatórios, antioxidantes, e laxativos. A perfeita combinação das vitaminas A e E pode diminuir o risco de doenças artério-coronarianas e melhora o sistema imunológico. A vitamina B6, A e a niacina são encontradas em quantidades menores que as outras, porém, estas agem atenuando às rugas da pele. Alguns dos elementos minerais que o compõe, o cálcio, magnésio, ferro e especialmente o potássio, contribuem para equilibrar a tensão arterial, que aumentam as defesas do organismo na prevenção das gripes e resfriados, além das quantidades razoáveis de fibras solúveis, que auxiliam a diminuição dos níveis de colesterol no sangue.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Estresse pós traumático




São as águas de maço fechando o verão

É pau, é pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um caco de vidro, é a vida, é o sol
É a noite, é a morte, é o laço, é o anzol (tom Jobim )

Durante estes últimos dias diversos estados e cidades sofrem grandes tragédias causadas pelas chuvas de verão recentemente até a casa do compositor e poeta tom jobim onde ele escreveu águas de março ironicamente desabou com enchente que atingiu a serra carioca. Pessoas desabrigadas famílias sem rumo, perdas tanto materiais sentimentais e de entes queridos causando em todos, sentimentos de desolação, pânico e tristeza profunda enfim com tantas questões de difícil entendimento causa nestas pessoas um transtorno o transtorno de estresse pós traumático como já diria na canção de Adoniram Barbosa “Quero ficar ausente O que os olhos não vêem O coração não sente “(viaduto santa efigênia). Por tanto muitas pessoas não percebem os sinais que são:

· O individuo tem recordações aflitas muitas vezes agindo como se o evento estivesse ocorrendo novamente.

· Medo constante

O transtorno então é a recorrência do sofrimento original de um trauma, que além do próprio sofrimento é desencadeante também de alterações neurofisiológicas e mentais. É provavelmente um transtorno muito comum, porém pouco conhecido, como nas décadas passadas foram desconhecidos, porém freqüentes os transtornos de pânico, fobia social, obsessivo compulsivo. O estresse pós-traumático se diferencia dos demais transtornos de ansiedade e da maioria dos transtornos mentais por ser causado a partir de um fator externo. O aparato mental do homem é capaz de lidar com situações estressantes sem que isso deixe cicatrizes, da mesma forma que os vasos sanguíneos são capazes de suportar elevações da pressão arterial durante o exercício físico normalmente. Há, contudo limites a partir dos quais o funcionamento mental fica perturbado. Provavelmente isso ocorre quando os mecanismos de enfrentamento e suporte contra estresse são fracos ou quando os estímulos são fortes demais.

Existem pesquisas nos EUA, ainda não há medicamentos específicos para este tipo de transtorno.

Dentro da floral terapia existem algumas essências que auxiliam alguns casos. O rock rose essência dos florais de Bach é um floral usado para quem passou por acidentes repentinos, para momentos de terror, inquietação. Mimulus também pode ser usado nestes casos é excelente para os medos das coisas do mundo acidentes, dor, enfermidades, desgraças.

Enfim os florais podem ajudar em muitos casos como estes que estão sendo apresentados todos os dias em noticiários. Alem disso é ter consciência de que pessoas que passam por todas estas catástrofes necessitam de amparo não só terapêutico, mas social.

Termino pedindo a todos que mandem boas vibrações á todos que estão passando por esta difícil situação!

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

vamos falar de cor!


As cores fazem parte de nossas vidas nos trazem alegria e sentido as coisas. Bom hoje vou falar um pouquinho da cromoterapia.

A cromoterapia tem como finalidade utilizar-se das cores para reestabelecer o equilíbrio e a harmonia do corpo, da mente e das emoções.antigas civilizações, como no Egito antigo, nos templos também na India, Grecia e China, onde suas aplicações terapêuticas foram comprovadas e hoje através da experimentação constante e verificação de resultados. Se tem um resultado positivo e satisfatório. Hoje as cores também são usadas para adequação de ambientes, situação especifica. Cor é sensação assim como cheiro, tato, som. Um exemplo quando estamos tristes logo colocamos um cinza, preto cores frias nos dias de alegria colocamos cores como o vermelho laranja amarelo enfim cores quentes por isso as cores estão em todos os lugares observe mais qual cor vc usou hoje permita-se usar o poder das cores à seu favor !

Propriedades de cada cor

Vermelho - Efeito vitalizante, excitante, estimulante. Fortalece o sangue, melhora a circulação, previne a anemia e eleva a temperatura do corpo. Combate a depressão e, em excesso, pode causar irritação e aumento da tensão nervosa.

Laranja - Estimula o sistema nervoso e promove a alegria. Fortalece as funções mentais, aumenta a energia física e dissipa o desânimo. Combate a insegurança e falta de vontade. É eficaz no tratamento de doenças como a epilepsia, as doenças respiratórias e as inflamações.

Amarelo - Desperta as faculdades mentais, ajuda a dominar o sistema nervoso, promove o optimismo e favorece a criatividade e o raciocínio. É usado no tratamento de problemas digestivos.

Verde - Promove o equilíbrio, a harmonia e a serenidade. Tem um efeito refrescante e tranquilizador, promovendo a sensação de confiança e segurança. É utilizado no tratamento de doenças cardíacas e circulatórias.

Azul - Efeito relaxante e apaziguador. Elimina a sensação de angústia e as perturbações nervosas, tem um efeito sedativo. Tem um efeito anti-séptico e é usado para aliviar cortes e queimaduras, para além de ser usado no tratamento de doenças da garganta e dos olhos.

Anil - Promove a elevação da mente e está ligado à beleza e à arte. É utilizado como anestésico e como calmante em estados de grande ansiedade ou excitação. É eficaz no tratamento de inflamações, dores (efeito analgésico) e doenças dos pulmões.

Violeta - Efeito benéfico sobre os nervos, promove a sensação de liberdade e combate as neuroses. Combate doenças dermatológicas e desentoxica o organismo. Promove a saúde de todas as células e tecidos.

Branco - Não é uma cor, mas sim a reunião de todas as cores. A cor branca é a luz emitida pelas superfícies que reflectem todas as cores. Ao receber luz branca, o organismo liberta todas as vibrações pesadas e negativas provenientes das doenças.

Preto - É a ausência de cor. Preto é o que vemos quando uma superfícies absorve todas as cores e não reflecte nenhuma. Não deve ser usada, uma vez que gera desarmonia e energias negativas